You Tube ao vivo

Os usuários do YouTube terão a possibilidade de realizar transmissões de vídeo ao vivo direto de seus celulares. Leia aqui e aqui

“O YouTube prepara uma ferramenta para permitir a seus usuários compartilhar vídeos ao vivo, por streaming. Embora a tecnologia streaming não seja uma novidade, o YouTube acredita que inova ao permitir aos usuários postar imagens ao mesmo tempo em que elas são captadas.
Com o recurso, qualquer pessoa poderá transmitir uma conferência, uma festa de aniversário ou dividir uma apresentação musical ao vivo com seus contatos.
O projeto foi revelado pelo fundador do YouTube, Steve Chen, em seu canal no site de vídeos.
A ferramenta de vídeos ao vivo ainda está em desenvolvimento e só deve ficar pronta no final deste ano, explica Chen”

AO VIVO direto do celular

Acabo de ler um artigo bastante interessante de Darren Waters, do blog dot.life, da BBC. Ele aborda em Going live from mobile uma tecnologia desenvolvida pela empresa do Vale do Silício Qik que permite a transmissão em streaming (tempo real) a partir de um celular. Para isto o próprio Darren Waters testa sua funcionalidade numa entrevista ao vivo com um dos diretores da empresa (veja o vídeo). O artigo apresenta algumas observações e questões pertinentes em torno dos telefones celulares e sua transformação em dispositivos multimídias. Em específico para esta ferramenta da Qik demonstra-se a potencialidade para uso por blogueiros, jornalistas cidadãos e profissionais do mainstream media. Leia alguns trechos do artigo:

“Mobile phones are transforming into multimedia devices. From photos to GPS and video phones are being put to extreme challenges. One Silicon Valley based firm, Qik.com, has developed a tool which turns your phone into a live broadcasting system.
…………………………
You can embed your Qik “channel” on pretty much any website and people can watch your exploits live, leave comments, or watch the video back later as it sits on Qik’s servers.
Qik is a great example of how mobile phones are taking full advantage of technologies which are collapsing into one device – multimedia capabilities, messaging, always on connections and the robustness of the phone’s operating system.
………………………….

The great strength of mobile handsets is that they transcend space and time. Video can be recorded and then played back on the net, via sites like YouTube, whenever we want.
Do we want our lives to be actually “live”? Ramu Sunkara believes we do.
I think Qik offers great potential for bloggers, citizen journalists and potentially professional broadcasters.
……………………………..

My one question that keeps nagging at the back of mind though is – does the mainstream want to broadcast live from a phone? What do you think?”

Reportagem via celular e mobile future

A BBC nos últimos dias vem abordando com ênfase a questão do futuro móvel (mobile future) ou das tecnologias da mobilidade com suas aplicações em diversas áreas. Merece destaque uma reportagem especial em quatro séries desta semana (de 19 a 22/02): the mobile future blog: day one, the mobile future blog: day two, the mobile future blog: day three, the mobile future blog: day four.

No último dia 18 a reportagem Why the future is in your hands abordava a convergência de hardware, software e serviços para os celulares. E na semana passada, na matéria mobile video round up, foram mostrados oito videos com tecnologias móveis e usos de celulares para reportagem via celular, mapas móveis, softwares futuristas e outros produzidos sobre a Mobile World Congress 2008. Todos foram gravados através de celular pelo repórter da BBC, Rory Cellan Jones.

Simpósio nos Estados Unidos discute futuro da tecnologia no jornalismo

Journalism 3G: The Future of Technology in the Field – A symposium on computation + journalism”. Este simpósio ocorrerá entre sexta (22/02) e sábado (23/02) no Georgia Institute Of Technology, em Atlanta (EUA). Entre os painéis em discussão estão os avanços no processo de apuração, jornalismo ubiquo, jornalismo participativo, informação e mashup, reportagem multimídia, redes sociais.
A abordagem do evento é realmente interessante e vou procurar acompanhar porque estas temáticas estão dentro de minhas perspectivas de acordo com a apresentação do evento de discutir o impacto da tecnologia no jornalismo (vídeo digital, jornalismo cidadão e suas ferramentas, tecnologias computacionais). Vale a pena! Espero que liberem vídeos posteriormente, mas você poderá assistir ao vivo em webcast.