Arquivo da categoria: wi-fi salvador

Vídeo sobre o projeto SUR-VIV-ALL

O professor André Lemos apresenta, em vídeo, as etapas para construção do projeto SUR-VIV-All lançado na semana passada (ver post) como parte do seu pós-doutorado em Edmonton, no Canadá. O SUR-VIV-ALL foi concebido a partir do livro de Margaret Atwood “Survival”e envolve Google Maps e GPS no mapeamento de hotspots na cidade. André Lemos também é coordenador de outro projeto similar do Grupo de Pesquisa em Cibercidades, WI-FI Salvador, que se constitui num mapeamento dos hostpots de Salvador. Lançado em julho do ano passado, o projeto já identificou mais de 60 hotspots entre pagos e gratuitos. No blog do WI-FI Salvador há um espaço para a colaboração das pessoas, que podem indicar pontos de acesso sem fio (hotspots).

Grupo de Pesquisa em Cibercidades da UFBA lança projeto WI-FI Salvador

Na próxima quarta-feira, dentro da programação do Ciclo Internacional de Debates sobre Cibercultura, será lançado, em Salvador, um projeto inédito de mapeamento de conexões sem fio realizado pelo Grupo de Pesquisa em Cibercidades da FACOM/UFBA. É um projeto interessante para quem utiliza tecnologias móveis como notebook, computadores de mão e smartphones com wireless para estabelecer novas relações com o espaço urbano. Leia abaixo as informações e acesse o projeto http://www.wifisalvador.facom.ufba.br/


“O Grupo de Pesquisa em Cibercidade, da Faculdade de Comunicação da Ufba, lança nesta quarta às 19 horas, no Teatro do Icba, durante o Ciclo Internacional de Debates sobre Cibercultura, o site com o mapeamento dos hotspots de Salvador. O Wi-Fi Salvador (ver mapa acima) é um projeto que tem como objetivo mapear os pontos de acesso sem fio, revelando visualmente o desenvolvimento dessa tecnologia de acesso à internet na capital baiana e com isso informar às pessoas dos locais onde há a possibilidade de acessar a internet móvel.O projeto Wi-Fi Salvador é inédito no Estado e pioneiro no Brasil. Até agora, há mais de 50 locais de conexão sem fio registrados. “Nos principais serviços de busca na internet (nacionais e internacionais), não encontramos mais do que 10 hotspots para Salvador. Isso não corresponde à realidade como já mostra o número de hotspots descobertos pela equipe do GPC”, explica o professor André Lemos, coordenador do projeto. ”Para que o nosso mapa esteja sempre atualizado, construimos um blog colaborativo onde qualquer pessoa pode indicar novos hotspots, enviar material multimídia e comentar os lugares e sua experiência.”A tendência do crescimento de pontos de acesso a internet Wi-Fi em Salvador reflete uma panorama mundial e nacional. No Brasil, cidades como Belo Horizonte e Ouro Preto (MG), Parati (RJ) e Porto Alegre (RS) estão implantando redes sem fio através da iniciativa dos poderes públicos municipais e/ou estaduais. Entretanto, em Salvador não existe nenhuma iniciativa do poder público local e o aumento do número de hotspots é promovido apenas pela iniciativa privada ou pelo uso doméstico. O site além de identificar a localização dos hotspots, conta com fotos, vídeos e depoimentos das pessoas que utilizam essas conexões. O endereço do site é www.wifisalvador.facom.ufba.br .”

Mapeamento de hotspots em Salvador

O Grupo de Pesquisa em Cibercidades do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, da UFBA, está fazendo um mapeamento dos hotspots (pontos de acesso sem fio/wireless) em Salvador. O Projeto de mapeamento “Wi-Fi Salvador” é coordenado pelo professor-doutor da FACOM, André Lemos, com a participação de mestrandos, doutorandos e bolsistas do Grupo. Em breve será disponibilizado um blog com as informações do projeto e apresentação dos pontos via google map, depoimentos dos usuários desses pontos, fotos e uma série de outras informações importantes.
Quando o blog estiver no ar colocaremos aqui o link para acesso.

abraços

fernando f. silva