Arquivo da categoria: wireless

futuro nômade e mobilidade

Edição da revista The Economist traz reportagem especial (nomads at last e our nomadic future) abordando que o mundo atual está cada vez mais marcado pelo nomadismo digital e pela mobilidade. A expansão das tecnologias móveis e das conexões sem fio seriam responsáveis pelas mudanças que se verifica agora e, principalmente, para o futuro. A matéria aponta mudanças na vida das pessoas nos aspectos cultural, político, das cidades, dos empregos. O texto defende que estaria emergendo uma nova versão para o nomadismo.

Trechos:

“SOMETIMES the biggest changes in society are the hardest to spot precisely because they are hiding in plain sight. It could well be that way with wireless communications. Something that people think of as just another technology is beginning to show signs of changing lives, culture, politics, cities, jobs, even marriages dramatically. In particular, it will usher in a new version of a very old idea: nomadism. “

…………………..

“Will it be a better life? In some ways, yes. Digital nomadism will liberate ever more knowledge workers from the cubicle prisons of Dilbert cartoons. But the old tyranny of place could become a new tyranny of time, as nomads who are “always on” all too often end up—mentally—anywhere but here (wherever here may be). As for friends and family, permanent mobile connectivity could have the same effect as nomadism: it might bring you much closer to family and friends, but it may make it harder to bring in outsiders. It might isolate cliques. Sociologists fret about constant e-mailers and texters losing the everyday connections to casual acquaintances or strangers who may be sitting next to them in the café or on the bus. “

Grupo de Pesquisa em Cibercidades da UFBA lança projeto WI-FI Salvador

Na próxima quarta-feira, dentro da programação do Ciclo Internacional de Debates sobre Cibercultura, será lançado, em Salvador, um projeto inédito de mapeamento de conexões sem fio realizado pelo Grupo de Pesquisa em Cibercidades da FACOM/UFBA. É um projeto interessante para quem utiliza tecnologias móveis como notebook, computadores de mão e smartphones com wireless para estabelecer novas relações com o espaço urbano. Leia abaixo as informações e acesse o projeto http://www.wifisalvador.facom.ufba.br/


“O Grupo de Pesquisa em Cibercidade, da Faculdade de Comunicação da Ufba, lança nesta quarta às 19 horas, no Teatro do Icba, durante o Ciclo Internacional de Debates sobre Cibercultura, o site com o mapeamento dos hotspots de Salvador. O Wi-Fi Salvador (ver mapa acima) é um projeto que tem como objetivo mapear os pontos de acesso sem fio, revelando visualmente o desenvolvimento dessa tecnologia de acesso à internet na capital baiana e com isso informar às pessoas dos locais onde há a possibilidade de acessar a internet móvel.O projeto Wi-Fi Salvador é inédito no Estado e pioneiro no Brasil. Até agora, há mais de 50 locais de conexão sem fio registrados. “Nos principais serviços de busca na internet (nacionais e internacionais), não encontramos mais do que 10 hotspots para Salvador. Isso não corresponde à realidade como já mostra o número de hotspots descobertos pela equipe do GPC”, explica o professor André Lemos, coordenador do projeto. ”Para que o nosso mapa esteja sempre atualizado, construimos um blog colaborativo onde qualquer pessoa pode indicar novos hotspots, enviar material multimídia e comentar os lugares e sua experiência.”A tendência do crescimento de pontos de acesso a internet Wi-Fi em Salvador reflete uma panorama mundial e nacional. No Brasil, cidades como Belo Horizonte e Ouro Preto (MG), Parati (RJ) e Porto Alegre (RS) estão implantando redes sem fio através da iniciativa dos poderes públicos municipais e/ou estaduais. Entretanto, em Salvador não existe nenhuma iniciativa do poder público local e o aumento do número de hotspots é promovido apenas pela iniciativa privada ou pelo uso doméstico. O site além de identificar a localização dos hotspots, conta com fotos, vídeos e depoimentos das pessoas que utilizam essas conexões. O endereço do site é www.wifisalvador.facom.ufba.br .”

Mapeamento de hotspots em Salvador

O Grupo de Pesquisa em Cibercidades do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, da UFBA, está fazendo um mapeamento dos hotspots (pontos de acesso sem fio/wireless) em Salvador. O Projeto de mapeamento “Wi-Fi Salvador” é coordenado pelo professor-doutor da FACOM, André Lemos, com a participação de mestrandos, doutorandos e bolsistas do Grupo. Em breve será disponibilizado um blog com as informações do projeto e apresentação dos pontos via google map, depoimentos dos usuários desses pontos, fotos e uma série de outras informações importantes.
Quando o blog estiver no ar colocaremos aqui o link para acesso.

abraços

fernando f. silva